Ibitinga: Chuva e calor facilitam a proliferação do mosquito da dengue

O calor atrelado às chuvas potencializa a proliferação do mosquito da dengue. Em Ibitinga, especialistas alertam para o cuidado da população em relação à limpeza de quintais e terrenos.

“A limpeza elimina materiais que podem estar com água parada. Devido às chuvas, qualquer recipiente pode se tornar um criadouro. A dengue é uma doença que pode levar a pessoa à morte e o Aedes aegypti ainda pode causar outras doenças graves”, alertou Marcio Magliocchi, chefe do departamento de endemias.

Ibitinga ainda não registrou casos de dengue. Porém, o município está em alerta máximo, já que cidades vizinhas contabilizam números altos da doença. Itápolis, por exemplo, possui quase 300 casos confirmados e decretou estado de emergência municipal.

“A preocupação é grande e, por isso, não podemos enfraquecer as ações de combate aqui em nossa cidade. Todos devem entrar na guerra contra o Aedes aegypti”, complementou Marcio.

A Prefeitura Municipal também faz a parte dela. Na última semana, iniciou mais um ciclo de limpeza por todos os bairros da cidade, com a campanha do Mutirão da Limpeza.

“No mutirão, o cidadão tem a chance de descartar devidamente qualquer material inservível, entulhos e galhos. Os maquinários da Prefeitura estão passando rua por rua fazendo o recolhimento de tais materiais”, disse Luis Guedes, secretário de Serviços Públicos.

A força-tarefa da limpeza já removeu mais de UM MILHÃO de quilos (mil toneladas) de sujeira presentes nas ruas, quintais e terrenos da cidade. O peso se refere apenas à última semana de ação.

*Confira o cronograma do mutirão clicando aqui

 

Fonte: Prefeitura de Ibitinga

guerra contra a dengue